terça-feira, junho 30, 2009

Acordar, viver



"Como acordar sem sofrimento?
Recomeçar sem horror?
O sono transportou-me
àquele reino onde não existe vida e eu quedo inerte sem paixão."
Dias difíceis...
Sinto-me sem forças para continuar.
Estou sensível diante das palavras desperdiçadas, dos olhares evasivos, das mãos frias...
" Como repetir, dia seguinte após dia seguinte, a fábula inconclusa,
suportar a semelhança das coisas ásperas
de amanhã com as coisas ásperas de hoje?"
É incrível como tudo muda em frações de segundos. O que era um sonho, torna-se um pesadelo. O que era amor, vira ódio. Quem era seu porto seguro hoje, pode ser seu maior medo amanhã!
" Como proteger-me das feridas
que rasga em mim o acontecimento,
qualquer acontecimento que lembra a Terra e sua púrpura demente?
E mais aquela ferida que me inflijo a cada hora,
algoz do inocente que não sou?
Ninguém responde, a vida é pétrea.”

15 comentários:

Érica disse...

Carol, as coisas tem um sentido de ser e são do tamanho da importância que damos.
O sofrimento é fato, coisa de quem sente, de quem vive e se expõe... Sem medo.
Tentare se proteger, é um direito de quem não quer se machucar, mas saiba que isso é ilusão, onde a dor alcança, a mão não vai, é outro departamento. Porém há um final, onde as dores somem, ai é como avançar outro estágio do jogo, onde somos maiores e melhores... Tu vai ver, tudo passa.
Seja feliz.
Te acho forte, espontânea.. És linda!
Beijos grande no seu coração.

Wilian Bincoleto Wenzel disse...

Perfeito... porém, triste! ><

O mais importante é saber que mesmo a vida sendo pétre, muitas das vezes ela se torna subtil. Costumo dizer que o ser humano precisa saber aproveitar os bons momentos e, retirar dos mals momentos apenas a experiência.

Tenha uma ótima semana!

Edna Lima disse...

Frustações da vida são um lixo não reciclavel.
Bjaum

Hugo disse...

OôO linda, o q houve?
 vida é assim msm. Tem dias q acordamos tão para baixo, nada está bom... Mas depois do caos vem a abonância!

N fica assim! Desse jeito terei q ir a Minas só p dar um abraço e um beijo na minha bonequinha!

Beijo.

Lamêgo disse...

Descobri porque vc escreve divinamente!...
PORQUE ESCREVE C SUA INOCÊNCIA, vc sente palavra por palavra.

Parabéns...

Sabe como ninguém apresentar os brilhantes trechos de Drummond e expor o q vc sente!

Um abraço apertado.

Melanie Brown disse...

"O que era um sonho, torna-se um pesadelo. O que era amor, vira ódio. Quem era seu porto seguro, hoje, pode ser seu maior medo, amanhã!"
É estranho e tao normal, e dá medo...

Origadao linda pela força, to quanse!:)
E a proposito, na foto estao minha afilhada Amanda, sobrinha Ivyna e minha prima Tarciana, sao mesmo mocinhas bonitas!!rs

Super bjO'

Milla disse...

'É incrível como tudo muda em frações de segundos' - Nem sempre as pessoas entendem isso, mas mesmo assim tem coisas que são inevitáveis. Adorei o texto. Obrigada pela visita :)

Beijos

Daiane Alcantara disse...

não fica assim, TOODOS nós passamos por momentos difíceis, mas a vida continuua, e ela não para pra que você se reponha, e contiinue seguindo! Não importa o que você faaça! É triste pensar assim, mas quem nunca teve vontade de se matar, de não existir, de se mudar, de jogar tudo pro alto?
Mais lembre-se, nem o melhor dia, dura para sempre .. ele vai ter 24 h como os outros!

Gabriela disse...

O divino está presente nas mudanças, todavia nós sabemos que modificações podem ser ruins. Da noite para o dia nos transformamos em seres diferentes, o mar de rosas se acaba e deixa vestígios de dor e sofrimento. A vida é assim, não podemos negar, todavia devemos nos permitir para os olhos fecharem-se e encaminharem-se para o amar. Se por isso passamos, com certeza lá na frente um bom sinal nos espera. São só fases, e como tais, passageiras!
Amei mais uma vez a resenha, parabéns!
E eu estou arrumando o layout do blog, acho que em pouco tempo vou poder colocar seguidores :}
Beeijos.

Hosana Lemos disse...

"É incrível como tudo muda em frações de segundos."
é simplesmente assustador. Em alguns pequenos segundos todo aquele empenho, todo aquele cuidado que se teve pra construir se acaba diante de você.
E é difícil de aceitar...-como que tudo aquilo a que eu tive tanta dedicação, pode assim, num passe de mágica sumir?

Adoreeeeiiii, ficou lindoo!!!

Flavih Jones disse...

Achei lindo.
Mas passa uma tristeza.
Fica bem.

Beijos. =D

Felipe Braga disse...

Lindo, lindo! Mais uma inspiração no Romantismo né? Já vejo você escrevendo folhetins românticos. rs
Não achei triste não. Achei poético e forte.
Beijos.

Milla disse...

oii voltei aqui.. ganhei um prêmio e indiquei seu blog por amo aqui :) passa lá e pega ele

beijos

'Ariane .( lla Belle )' disse...

Nossaaa, eu gostei, só que é um pouco triste, na verdade eu acho que todo fim tem um começo, e que toda a felicidade pode ser tristeza, e que o texto tem uns questionamentos, e apontam coisas reais

Beijos

Odilon Silva Henrique disse...

Como sou tio coruja,só tenho que gostar do que escreves. Escreve muita realidade; altos e baixos de nossas vidas.

A propósito, do meu corujar fiquei emocionado com a reportagem que fizeste.
Te amo
Tio Odilon

Postar um comentário

Template by:

Free Blog Templates